Reportagem:
BMX TRAILS JAM II
por Sauro Agostinho
31 de maio 2016
   
REPORTAGEM
BMX TRAILS JAM II
 
 

"Mais uma vez o tempo não ajudou. As previsões davam chuva para o fim de semana todo e houve pessoal que não arriscou em vir.

No Sábado o warm-up foi um churrasco a tarde com umas minis e secar as poças da chuva para poder andar, pingava de vez em quando mas ainda deu para dar umas voltas. A noite foi mais uma churrascada com o pessoal todo! o João Montanhas ficou cheio de calor e ainda deu um mergulho na piscina a uma da manhã! Eu ainda fui lá parar dentro mais tarde, nunca se pode confiar no pessoal! A seguir fomos todos para a festinha no Lanheiro (bar) coincidência também havia um evento chamado warm up! fechamos a festa só para mostrar quem é que era rijo! O Pedro Brás ganhou o campeonato nesta noite…

Domingo foi almoçar e começar a secar outra vez os dirts com baldes de agua e maçarico a gás mesmo a profissionais dos trails! O pessoal foi chegando e o tempo esteve sempre a ameaçar mas ainda deu tréguas e abriu logo quando o pessoal começou a andar! tivemos muito crowd e claro o 106 do espanhol a partir som para o pessoal ficar maluco!

A fila para o step down estava grande como era passava a linha toda optou por ir fazendo comboios para a fila andar mais depressa!

O Pedro Brás mal começou a habituar-se aos trails começou logo a mandar tailwip no primeiro Dirt! O Afonso Pires começou a lançar se ao 360 no primeiro que ainda era obra! Já o Nuno Faria mandou quase 3 tailwip, mas escapou os pés devido a terra nos pés. E claro para falar em flow temos o senhor Pedro Dias (Gralha) que era o único que chegava ao releve com velocidade a mais! O Rafael Alves a voar como queria em todos os saltos. Podemos falar ainda no Ruben Oliveira mais conhecido por Cecítu que partiu aquilo tudo mas foi porque se viu negro para passar o primeiro dirt! ainda levou uma t-shirt dos BTT do meu pai como prémio porque rasgou a camisa toda e fez uma tatto no peito!

O pessoal aderiu e ninguém se aleijou. não passou nada de arranhões. Penso que o pessoal curtiu a bruta e só isso valeu todo o suor que envolveu o trabalho feito durante mais de um mês para estar tudo pronto para a jam! O ambiente foi brutal, para mim encheu me todas as expectativas do que para mim é uma jam. Tivemos muito convívio muita festa! Foi um fim de semana em grande sem nada a apontar!

Um grande obrigado ao pessoal que apareceu tanto para ver como para andar! Talvez haja mais festa para breve!"

 

Sauro Agostinho>> BMXATTD